Avaré é a sétima cidade paulista em recursos através de emendas parlamentares

entrada da Santa Casa
Santa Casa de Avaré é uma das mais beneficiadas com emendas parlamentares

A Estância Turística de Avaré é a sétima cidade com mais valores liberados através de emendas parlamentares assinadas junto ao governo do estado de São Paulo desde 2014, segundo a Casa Civil.

Com 21 emendas e mais de R$2,6 milhões, Avaré fica à frente de cidades como Suzano, Mairiporã e Osasco. Em todo o Estado de São Paulo, o município é superado apenas pela capital São Paulo e por Ribeirão Preto, São José dos Campos, Bragança Paulista e Francisco Morato.    

O mais beneficiado é São Paulo com 109 emendas que alcançaram o valor de R$12 milhões, o que equivale a R$ 1 por morador da capital. Já para cada um dos 89.479 moradores avareense, segundo o IBGE, há R$ 29 reais investidos.

Verbas para compor o caixa de Santas Casas e outras entidades que atendem doentes são as mais comuns. Desde janeiro de 2014, deputados dos mais variados partidos indicaram para a área da saúde recursos que somam R$ 158,2 milhões.

A cidade que menos verba recebeu é o município de Nova Canaã Paulista com apenas R$ 28 mil em emendas liberadas.

Segundo levantamento do jornal O Estado de São Paulo, o governo Geraldo Alckmin segurou metade do orçamento destinado a emendas parlamentares nos últimos três anos e meio.

Dos R$ 752 milhões previstos, Alckmin liberou R$ 383 milhões, o que tem gerado um descontentamento generalizado entre os parlamentares estaduais.

O campeão em número de emendas é o deputado Orlando Bolçone que conseguiu autorização de Alckmin para firmar 130 convênios com Prefeituras no valor de R$ 6,8 milhões.

Já o título de campeão em valores aprovados fica com o deputado Estevam Galvão, chegando a R$ 7,8 milhões.

Deixe uma resposta