Verdão e Inter vencem em estreia na Libertadores

Rodada de quarta-feira complicada para os times que estrearam na fase de grupos da Libertadores. Quatro equipes brasileiras entraram em campo e tiveram muito trabalho.

Na Colômbia, o Palmeiras, ao melhor estilo Felipão, derrotou o Júnior Barranquilla por dois a zero. O time paulista começou o jogo com tudo e antes mesmo dos quinze minutos iniciais, abriu o placar. Gustavo Scarpa tabelou com Dudu e marcou. O time da casa equilibrou a partida, mas não transformava as chances em gol.

A equipe brasileira se segurou atrás esperando um contra-ataque, e o Júnior Barranquilla aumentou a quantidade de chances, mas sem a qualidade para empatar a partida. Aos 30, o atacante Téo Gutierrez acertou o volante Bruno Henrique e foi expulso. Com um a mais, o Palmeiras voltou a aparecer no jogo. E em um contra-ataque no fim do partida, Borja rolou e Marcos Rocha tocou com categoria e fechou placar. Junior Barranquilla zero, Palmeiras dois. O Verdão é líder do grupo F.

Outro que estreou com vitória foi o Internacional. No Chile, o Colorado bateu o Palestino por um a zero, gol de Rafael Sóbis, bicampeão do torneio com a camisa do time gaúcho. 

O rival do Inter não teve tanta sorte. Na partida contra o Rosário Central, fora de casa, o Grêmio empatou em um a um. O time argentino abriu o placar logo no início da partida com Zampedri. Éverton Cebolinha deixou tudo igual e ficou nisso. Rosário Central um, Grêmio um.

Jogando em casa, o Atlético Mineiro perdeu para o Cerro Porteño por um a zero. O time mineiro teve dois gols anulados corretamente na partida.

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.