Câmara de Avaré vota amanhã pedido de cassação do prefeito Jô Silvestre

A sessão terá transmissão ao vivo na Rádio Avaré e na página Avaré Notícias pelo Facebook

A Câmara de Vereadores de Avaré vota na sessão extraordinária de terça-feira (8), às 18h, em discussão única, o parecer da Comissão Processante (CP) que pede a cassação do mandato do prefeito Joselyr Benedito Costa Silvestre (PTB).  

Se o parecer for aprovado por dois terços dos vereadores, Jô perde o mandato imediatamente e quem assume é a sua irmã, Bruna Maria Costa Silvestre (PSB).

A CP foi apresentada pela servidora Priscilla Rodrigues Pedroso Ferreira e apurou a transferência dela da secretaria de Indústria e Comércio para a da Saúde, por motivos pessoais.

O relatório final, apresentado pelo vereador Sérgio Luiz Fernandes, contém 21 páginas e aponta que Silvestre cometeu falta de dignidade e decoro prevista no artigo 4, do Decreto lei 201/67.

“Pelo colhido nos autos e instrução, o prefeito usou do cargo para perseguir servidora concursada, motivado por razões políticas e desavença com seu esposo”, diz o parecer.

Em sua defesa, Jô disse que tem o poder discricionário para movimentar os servidores e que não tem motivação política para transferir Priscilla, “sustentando que o esposo da denunciante, tumultuava o ambiente onde a mesma trabalhava, razão pela qual, determinou a guerreada medida”, aponta o relatório.

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.