Sindicato denuncia falta de condições de trabalho no aterro de resíduos sólidos de Avaré

 Ação será impetrada nas próximas horas e poderá pedir a suspensão temporária dos trabalhos até que a situação seja devidamente regularizada

reservatório de água caido
Reservatório de água está abandonado (Foto: Sindicato)

O Sindicato dos Servidores e Funcionários Públicos Municipais de Avaré e Região divulgou uma nota nessa quinta-feira (25) para anunciar que irá entra com uma ação na justiça contra a Prefeitura de Avaré por falta de condições de trabalho dos funcionários do Departamento de Resíduos Sólidos.

Segundo o Sindicato o local não possui banheiros e nem fornecimento de água potável aos trabalhadores, além de não conter acomodações gerais para desenvolvimento dos serviços ali realizados. O presidente do Sindicato, Leonardo do Espírito Santo, disse que parte do material para realizar as melhorias está abandonada na sede do Departamento.

“É inacreditável que uma obra, de pequena monta e que poderia ser realizada rapidamente, sem maiores custos para a Municipalidade, se arrasta de gestão para gestão. Os materiais para os sanitários, assim como a caixa d’água, estão semi-abandonados no aterro, aguardando a boa vontade de nossos gestores para serem implantados”, destacou, durante visita ao local, o sindicalista.

vasos sanitários abandonado, carrinho de pedreiro, tambor, tábuas de madeiraAinda segundo o presidente do Sindicato por diversas vezes foi solicitado à regularização do local e a melhoria das condições oferecidas. Leonardo disse ainda que a Secretaria do Meio Ambiente se negou a fornecer o Laudo Técnico das Condições de Ambientes de Trabalho (LTCAT).

“Se existe essa negativa, pode ser que também exista algum problema impossibilitando o trabalho naquele espaço. É inadmissível um local, em que as pessoas ficam mais de 08 horas, sem água potável, sem sanitários e sem a devida proteção contra o tempo”, lembrou Leonardo.

 

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.