Residencial Mário Bannwart recebe projeto de Desenvolvimento Sócioterritorial

Através da Secretaria Municipal da Assistência e Desenvolvimento Social (Semads), o Conjunto Residencial Mário Bannwart volta a receber o Projeto Técnico de Desenvolvimento Sócioterritorial” (PDST), elaborado para provocar mudanças positivas no bairro, nos indivíduos, nas famílias, grupos e ambientes de forma a diminuir os problemas enfrentados pelos moradores e lhes mostrar oportunidades existentes no município.

A Prefeitura reinstalou o projeto no Mário Bannwart num contêiner na Rua João Tezza, 190. Com o auxílio da estagiária Franciele Lopes, no local a assistente social Paula Carolina divulgou o projeto a fim de tornar os órgãos públicos mais acessíveis à população, que experimenta situações de risco e de vulnerabilidade social. A proposta é envolver a comunidade por meio de ações de saúde, saneamento, educação, cultura, esporte e assistência social.

Inclusão

A meta do PDST é favorecer, atrações de uma atuação intersetorial, a inclusão social dos moradores com a sua integração territorial. Deste modo os beneficiários podem alcançar melhor qualidade de vida, por meio da sustentabilidade dos bens, equipamentos e serviços oferecidos.

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.