Polícia Civil apreende 316 quilos de cabos de cobre de origem suspeita

Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) apreenderam no dia 6 de fevereiro, em Avaré, 316 quilos de cabos de cobre que estavam em um depósito no Parque Industrial Jurumirim. O material foi recolhido porque o proprietário não provou com documentos como o adquiriu.

Segundo a DIG, há fortes indícios de que os rolos encontrados no local são parte de um montante levado de um sítio em Cerqueira César, no mês passado. A vítima, na ocasião, procurou a Delegacia noticiando que foram retirados de um picador de madeira 340 metros de cabo de cobre, os quais estavam conectados à rede de energia e ao motor do equipamento. O prejuízo estimado pelo proprietário foi de R$ 15 mil.

A Polícia Civil não descarta a hipótese do depósito e outros locais do mesmo gênero em Avaré estarem agindo como receptadores. O cobre tem valor comercial bastante atrativo, por isso a procura dos criminosos por esse metal tem aumentado nos últimos anos. 

Segundo o delegado Fabiano Ribeiro Ferreira da Silva, as investigações vão prosseguir para que os responsáveis pelo furto sejam encontrados e presos. Da mesma forma a Polícia está angariando provas para configurar o crime de receptação, cuja pena pode chegar a 5 anos de reclusão.

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.